Bruno Magalhães bate Armindo Araújo por 11.2s e é o novo líder do Campeonato

Pedro Antunes vence primeira prova da Peugeot Rally Cup Ibérica

A dupla Bruno Magalhães/Carlos Magalhães (Hyundai i20) sagrou-se vencedora, na tarde deste domingo, do Rali do Alto Tâmega, quarta prova do Campeonato de Portugal de Ralis (CPR), organizada pelo CAMI Motorsport, ao vencer quatro das seis classificativas e estabelecer, no final, uma diferença de 11.2 segundos para Armindo Araújo (Skoda Fabia).

 

Ao longo dos dois dias de prova, Magalhães e Araújo monopolizaram as atenções, em termos competitivos, já que estiveram um patamar acima da concorrência, com destaque para José Pedro Fontes (Citroen C3), que no sábado ainda conseguiu dar um ar da sua graça, mas na segunda etapa acabaria, ao fazer um “pião”, por perder um lugar no pódio para Ricardo Teodósio (Skoda Fabia).

No retorno, ao fim de 28 anos, do rali transmontano ao Campeonato de Portugal, o nível competitivo foi bastante elevado e no final Armindo Araújo, que perdeu a liderança do campeonato para o seu rival e vencedor Bruno Magalhães, só lamentava o furo sofrido na penúltima classificativa que o impediu de discutir o triunfo até ao derradeiro troço cronometrado.

“Foi um rali excelente e estou muito feliz pela vitória, depois de ter dominado a prova, pois só não venci duas das seis classificativas. Era um rali novo para todos, o que nos deixava em igualdade de circunstâncias. Houve muita competitividade e nós provámos ser os mais fortes perante uma concorrência bastante forte. Agora, passo para a frente do campeonato e continuo bastante motivado para discutir a conquista do título até ao fim”, referiu Bruno Magalhães.

Luta intensa pela vitória foi uma constante na Peugeot Rally Cup Ibérica, que teve um desfecho favorável às cores portuguesas, com Pedro Antunes, um dos principais favoritos, a garantir o triunfo por 19,4 segundos face ao espanhol Oscar Ortiz, sendo Sergi Comellas o terceiro (a 25.6) e Pedro de Almeida o quarto (a 54.6).

Vítor Pascoal (Porsche 911 GT3), nos GT, Nuno Carreira (Subaru Impreza), nos Clássicos, e Fernando Peres (Mitsubishi Lancer Evo IX), no Campeonato Norte, foram outros dos vencedores das restantes provas englobadas neste Rali do Alto Tâmega.

CLASSIFICAÇÃO FINAL CPR (Oficiosa)

1º, Bruno Magalhães/Carlos Magalhães (Hyundai i20), 54m55.3s

2º, Armindo Araújo/Luís Ramalho (Skoda Fabia), a 11.2s

3º, Ricardo Teodósio/José Teixeira (Skoda Fabia), a 34.0

4º, José Pedro Fontes/Inês Ponte (Citroen C3), a 48.9

5º, Pedro Meireles/Mário Castro (VW Polo GTI), a 57.3

6º, Miguel Correia/António Costa (Skoda Fabia), a 1m40.0s

7º, Pedro Antunes/Pedro Alves (Peugeot 208 R4), a 2.55.4

 8º, Manuel Castro/Ricardo Cunha (Skoda Fabia), a 2.56.0

 9º, Oscar Ortiz/Jose Bouzas (Peugot 208 R4), a 3.14.8

 10º, Sergi Comellas/Maria Hage (Peugot 208 R4), a 3.21.0

Campeonato: 1º, Bruno Magalhães, 121,63 pontos; 2º, Armindo Araújo, 112,94; 3º, Ricardo Teodósio, 79,61; 4º, José Pedro Fontes, 67,97; 5º, Pedro Meireles, 42.O próximo rali do campeonato será o Rali Vidreiro, nos dias 9 e 10 de outubro próximo.

  • Visualizações: 293
Clube organizador do Rali do Alto Tâmega

Contactos

CAMI - Clube Aventura do Minho
Rua Gonçalo Zarco, 1129 - Loja 2
4450-685 Leça da Palmeira
  • Tlm + 351 918 137 996
  • Fax +351 22 996 49 55
  • Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.